29.11.07

155

Eu passo, ao passo que passa alguém
Desfaço o laço que me detém
Disfarço e faço do amor, refém
Compasso falso que me convém.

3 comments:

maria said...

tive que vir para te dizer,
meus pesames pelo teu time
;)

Tiago said...

ora, ora, ora... cuidado com os passos em falso, meu chapa. cuidado com a dança da solidão. beba, beba. flutue.

reles said...

faça, fuce e force...belo verso, genésio